Na Tela: Affliction – O Ebola na África Ocidental (2015)

ebola2

Em 2013 vimos alguns países africanos sofrerem com uma epidemia de ebola. Vimos também o resto do mundo com medo de que a doença se espalhasse por seus territórios.  Guiné, Serra Leoa e Libéria foram os principais afetados, e a Médico Sem Fronteiras, junto às autoridades locais, estava lutando contra o tempo e a doença nesses países. E é disso que trata Affliction.

O filme, dirigido por Peter Casaer, retrata o trabalho da MSF na batalha contra o vírus, tentando ajudar as milhares de pessoas infectadas, além de nos situar quando, como e onde se inicia. Apesar do filme ser ‘organizado’ pela própria ONG, ele mostra também o lado dos pacientes, da população que nada sabe sobre a doença que está matando cada vez mais seus amigos, vizinhos e parentes.

ebola3

O filme está em exibição na Matilha Cultural, em São Paulo, até 30 de abril. Além disso, uma exposição sobre a Médico Sem Fronteiras também está no local. E com certeza, eles se complementam. Várias cenários dos centros de tratamento de ebola estão presentes na expo, como por exemplo, o mural de pacientes curados. É quase impossível não se emocionar.

Assim como quando terminei o livro Dignidade!, a vontade de querer ajudar e fazer algum trabalho voluntário foi imediata, só que com muito mais sentimento de incapacidade. Pois no livro, as palavras não me permitiram visualizar com tanta realidade como no documentário.

^0DD2F7A012009E1254632484B6ACB46D2D74B63E9082860262^pimgpsh_fullsize_distr

Anúncios

Um comentário sobre “Na Tela: Affliction – O Ebola na África Ocidental (2015)

  1. Pingback: Na Tela: Boi Neon (2015) | Odeio Sagu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s